Santa Catarina mantém liderança na doação de órgãos no Brasil

Em 2017 foram capacitados cerca de 800 profissionais de hospitais públicos e particulares para realização do procedimento

Por Oeste Mais

05/01/2018 08:19


Até setembro de 2017, a SC Transplantes registrou 197 doações efetivas de órgão (Foto: Paulo Goeth/SES)

Santa Catarina continua liderando o ranking no número de doações de órgãos para transplantes no Brasil. O estado consolidou um sistema de transplantes que é referência também internacional.

 

Segundo levantamento da SC Transplantes, em outubro de 2017, Santa Catarina atingiu a marca de 39 doadores efetivos de órgãos por milhão de população (p.m.p), enquanto a média nacional foi de 16,5 doadores por milhão de população.

 

Até setembro de 2017, a SC Transplantes registrou 197 doações efetivas de órgão, 438 doações efetivas de tecido ocular e 938 transplantes de órgãos e tecidos no estado.

 

Os investimentos em logística e treinamentos das equipes dos hospitais, responsáveis pela identificação de potenciais doadores e abordagem junto às famílias, são considerados fatores determinantes para os resultados. Em 2017 foram capacitados cerca de 800 profissionais de hospitais públicos e particulares.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.