Os pobres de espírito

Por Jaime Folle

07/02/2018 13:12 - Atualizado em 07/02/2018 13:13


Dois colegas de trabalho saíram para caçar marrecos. Um deles possuía um cachorro muito especial.  Sempre que alguém acertava um marreco, o cachorro corria sobre a água e trazia o animal.  Depois de caçar muitos marrecos e de várias corridas do cachorro sobre a água do lago, seu dono perguntou ao colega: “Você não observou nada de diferente?” “Seu cachorro não sabe nadar!”, respondeu o outro. (Autor desconhecido).

 

Tantos milagres, e os pobres de espírito somente conseguem ver que o cachorro não sabe nadar…

 

Todos temos o que aprimorar em nossa vida, mas certamente já conseguimos nossos milagres.

 

Coloque sua atenção nas conquistas das pessoas e você lhes transmitirá mais confiança para que enfrentem os desafios. Em uma equipe em que as pessoas têm o foco na capacidade dos outros, todos se sentem mais confiantes em arriscar.

 

Pense por uns instantes, as pessoas que fazem parte da sua vida se são pessoas negativas? Pense nos seus colegas de trabalho, familiares, amigos, namorado ou namorada.

 

Estas pessoas te fazem se sentir feliz? Caso sua resposta seja um “não”, é possível que alguma influência negativa esteja afetando a sua vida de alguma forma. Meu objetivo neste artigo não é encontrar uma única resposta, mas ajudá-lo a identificar algumas delas, caso esteja acontecendo isso com você neste momento.

 

A partir do momento que mantemos pessoas com energias negativas em nosso círculo, sempre teremos aquela energia pesada que pode nos afundar. Eu mesmo já tive pessoas assim em minha vida em todos os departamentos: familiares, faculdade, relacionamentos e amizades.

 

Quem é pobre de espírito, pouco ou quase nada ajuda os outros, porque suas mazelas fazem com que haja um afastamento, pois ninguém gosta de conviver com alguém que só reclama.

 

Já que estamos iniciando um novo ano e vocês é um destes pobres de espírito, faça um bom exercício de mudanças e verás o quanto os demais irão se aproximar de você e lhe transmitir boas energias.

 

Ame os outros e será também amado!

 

“Se você julgar as pessoas, não terá tempo para amá-las”. (Madre Tereza).

 

Até a próxima.


Jaime Folle

Colunista

Formado em empreendedorismo, é um dos mais renomados palestrantes do Sul do Brasil. Está na área desde 2005. É também escritor de vários livros.

jaimefolle@jaimefolle.com.br


Comentários

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais.
Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.