Mandados contra fraudes em serviços de reciclagem são cumpridos na divisa de SC com PR

Investigações tiveram início em outubro de 2017 e tramitam sob segredo de justiça

Por Oeste Mais

23/01/2018 10:29 - Atualizado em 31/01/2018 23:11


Policiais cumpriram nesta segunda-feira, dia 22, 11 mandados de busca relativos a uma investigação de possível fraude na coleta e pesagem de lixo orgânico e materiais recicláveis nas cidades de União da Vitória e Porto União, na divisa entre os estados de Santa Catarina e Paraná.

 

A operação foi realizada pelo Ministério Público do Paraná, por meio da 4ª Promotoria de Justiça de União da Vitória, e o Ministério Público de Santa Catarina, por meio da 3ª Promotoria de Justiça de Porto União. Os Núcleos dos Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Ponta Grossa e Joinville prestaram apoio.

 

Os mandados foram cumpridos em diversos locais. Entre eles, na sede da empresa que presta o serviço de coleta e destinação do lixo nos municípios e nas prefeituras das duas cidades. As investigações tiveram início em outubro de 2017 e tramitam sob segredo de justiça. O Ministério Público do Paraná não divulgou mais detalhes.


COMENTÁRIOS

Os comentários neste espaço são de inteira responsabilidade dos leitores e não representam a linha editorial do Oeste Mais. Opiniões impróprias ou ilegais poderão ser excluídas sem aviso prévio.